You are currently viewing Ministra da Cultura: “Ninguém ficava igual depois de conhecer a Maria João Abreu”

Ministra da Cultura: “Ninguém ficava igual depois de conhecer a Maria João Abreu”

“É um dia triste para a Cultura e para nós, que somos pessoas e somos o seu público”, frisou Graça Fonseca.

Graça Fonseca, ministra da Cultura, lembrou Maria João Abreu em declarações ao programa “Goucha”, da TVI. “As palavras são difíceis, é um dia muito triste. Começo por lamentar a morte e por apresentar um abraço a todos os seus familiares, amigos, admiradores do público (…) A Maria João era uma mulher, uma atriz, muito especial. Estreou-se num musical dirigido pelo Armando Cortez, no Teatro Maria Matos, que é talvez um início tão auspicioso como foi a vida da Maria João”, frisou.

“Uma atriz muito versátil que percorreu a história do teatro português, o teatro de revista, o teatro musical ou o teatro experimental. Com uma carreira incrível na televisão, sempre muito próxima de nós através do pequeno ecrã. É uma mulher muito especial na sua generosidade e tenho dito e sito muito isto: ninguém ficava indiferente à Maria João; ninguém ficava igual depois de conhecer a Maria João”, lembrou a ministra da Cultura em entrevista a Manuel Luís Goucha e Cristina Ferreira.

“É um dia triste para a Cultura e para nós, que somos pessoas e somos o seu público”, rematou.

fonte: https://mag.sapo.pt/showbiz/artigos/ministra-da-cultura-ninguem-ficava-igual-depois-de-conhecer-a-maria-joao-abreu

admin

Web Designer da Empresa GBC-BEAM.