man, mouthgard, gumshield-5238600.jpg

Dor de cabeça e nariz entupido em vez de tosse e perda de paladar: Sintomas da covid-19 mudaram, principalmente entre vacinados

  • Post author:
  • Post category:Covid-19

Os sintomas de Covid-19 que conhecemos até ao aparecimento da variante Delta mudaram. Como os primeiros sinais da doença são agora mais subtis, principalmente entre vacinados, convém redobrar a atenção.

O problema é que, na presença de novos sintomas, muitas pessoas ignoram-nos por não os associarem ao novo coronavírus e acabam por não agir em prevenção.

Agora, um estudo do projecto britânico Zoe, que contou com mais de quatro milhões de voluntários possibilitou acompanhar a evolução das manifestações da doença. E surgiram novos dados com a chegada da variante Delta e da vacinação, como escreve o ABC.

Uma das constatações é que sintomas como a perda de olfato e paladar já não são tão frequentes.

As pessoas infetadas e que já estão totalmente vacinadas reportaram com mais frequência dor de cabeça, corrimento nasal, espirros e dores de garganta.

A infeção em vacinados parece-se mais com uma constipação vulgar ou uma crise de alergia.

Já quem está a meio do esquema vacinal, com uma única dose, tem também estes sintomas, mas com tosse seca mais persistente.

E aqueles que não são vacinados costumam ter mais febre e tosse seca.

No geral, os vacinados têm uma forma menos grave da doença e melhoraram mais rapidamente, nota o mesmo projeto.

Mas os sintomas tradicionais como perda de olfato, dificuldade em respirar e febre, ocupam agora um lugar muito mais abaixo na lista de sintomas mais frequentes da primeira fase da doença.

As pessoas que foram vacinadas e testaram positivo foram mais propensas a relatar espirros como sintoma principal em comparação com aquelas que não tinham uma única dose.

A recomendação é, por isso, de que qualquer pessoa vacinada que comece a espirrar muito sem uma explicação, deve fazer o teste de despiste da Covid, especialmente se está em contacto com pessoas de risco.

A deteção precoce dos casos é fundamental para evitar a propagação, pois é também durante o primeiro estágio da doença que o vírus é mais transmissível.

fonte: https://multinews.sapo.pt/atualidade/dor-de-cabeca-e-nariz-entupido-em-vez-de-tosse-e-perda-de-paladar-sintomas-da-covid-19-mudaram-principalmente-entre-vacinados/